Terça-feira, 1 de Janeiro de 2008
Floribella - Flor desmaia

No dia seguinte à actuação no Ginásio, Flor conta a Helga que Segundo a pediu em casamento, mas que recusou. Delfina ouve a conversa e pensa logo numa forma de afastar Flor e Máximo. Imediatamente telefona a Segundo e diz que Flor lhe contou do pedido. Diz ao primo do conde que não deve desistir e que Flor só recusou por ter medo.

 

Mandam entregar um belo ramo de flores amarelas. Delfina diz a Máximo que Flor está noiva de Segundo. O condorzinho fica zangado. Flor vê o ramo e pensa que foi Máximo que lho enviou. Depois Henrique dá-lhe os parabéns pelo casamento com Segundo. Flor não entende.

 

 

 

 

A ama decide agradecer as flores e deixa uma carta no quarto do condorzinho, quando aparece Laura e conta que passou a noite a consolar Máximo. Flor fica triste e muito desiludida com Máximo. O conde, por sua vez, está muito irritado por Flor ir casar com o primo e decide ir falar com ela. Gera-se uma discussão quando Máximo acusa Flor de ser interesseira. Flor mente e diz que vai casar com Segundo por dinheiro.

 

 

 

 

Na cozinha, Flor desabafa com Helga e diz que mentiu ao conde. A governanta convence Flor a telefonar a Máximo e a explicar tudo. «Perdoa-me condorzinho.» É a mensagem que a ama deixa na caixa postal do telemóvel de Máximo. O conde zangado decide pedir Delfina em casamento e ao ouvir Flor desmaia.

 

 

 

 

E agora? Será que a situação vai ter solução?

 

 



publicado por anjosdalucy às 08:00
link do post | comentar | favorito

.links
.Nosso blog
Anjos da Lucy